Alerta: Anvisa aponta 10 vegetais contaminados

Os 10 vegetais contaminados com altos níveis de  agrotóxicos

 Alerta da Anvisa aponta que 10 vegetais com altos níveis de agrotóxico estão indo direto do mercado para sua mesa.

A última pesquisa  realizada pela ANVISA (Agencia Nacional de Vigilância Sanitária) revelou que um terço das  hortaliças, vegetais, frutas e grãos estão com níveis de agrotóxicos acima do permitido e  está sendo consumido pelo brasileiro diariamente.

Divulgada em 2013, a conscientização sobre o tema ainda não esta plenamente assimilada pelo consumidor.

Portanto, temos que replicar a informação – várias vezes e de diversas formas  – até que haja uma mudança efetiva.

A mudança só virá quando houver o total conhecimento da população.

Em, aproximadamente, dois terços desses alimentos foram encontrados dois  tipos de agrotóxicos: o azaconazol e o tebufempirade – que chegam  por meio de contrabando no Brasil sem registro algum.

Essas substâncias estão sendo utilizadas para aumentar a  produção agrícola.

O problema é que, além de não serem registradas e nem reconhecidas  com nenhum tipo de benefício, elas  podem causar grandes prejuízos à saúde dos consumidores.

O uso contínuo desses produtos contaminados provoca:

  • dores de cabeça
  • alergias 
  • câncer 
  • distúrbios do sistema nervoso central
  • transtorno de déficit de atenção.

Na alimentação saudável não pode haver agrotóxico.

Por isso  comer vegetais, hortaliças, grãos, sementes e frutas não está mais associado a uma alimentação saudável.

É preciso estar atento a:

Confira a tabela dos alimentos contaminados com os agrotóxicos  

azaconazol e  tebufempirade. 

PIMENTÃO
Número de amostras analisadas: 213 (100%)
Número de amostras reprovadas: 190 (89%)

2. MORANGO
Número de amostras analisadas: 211 (100%)
Número de amostras reprovadas: 125 (59%)

3. ALFACE
Número de amostras analisadas: 134 (100%)
Número de amostras reprovadas: 58 (43%)

4. PEPINO
Número de amostras analisadas: 264 (100%)
Número de amostras reprovadas: 111 (42%)

5. ABACAXI
Número de amostras analisadas: 210 (100%)
Número de amostras reprovadas: 86 (41%)

6. CENOURA
Número de amostras analisadas: 229 (100%)
Número de amostras reprovadas: 75 (33%)

7. LARANJA
Número de amostras analisadas: 227 (100%)
Número de amostras reprovadas: 63 (28%)

8. UVA
Número de amostras analisadas: 208 (100%)
Número de amostras reprovadas: 56 (27%)

9. MAMÃO
Número de amostras analisadas: 191 (100%)
Número de amostras reprovadas: 38 (20%)

10. TOMATE
Número de amostras analisadas: 151 (100%)
Número de amostras reprovadas: 18 (12%)

 

Vamos ficando por aqui.

Esperamos ter ajudado com informações que contribuem com nossa saúde.

Para nós da AmazôniaNutri quem se ama, se cuida, quem se cuida, se informa.

Até a próxima.

 

 

 

Fontes:
www.thegreenestpost.com
http://portal.anvisa.gov.br
Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *