10 alimentos contaminados com agrotóxico. Evite-os!

10 alimentos contaminados com agrotóxico foram encontrados pela Abrasco – Associação Brasileira de Saúde Coletiva.

Soja, milho, algodão e cana-de-açúcar representam 80% do total de vendas nesse setor.

alimentos-contaminados-por-agrotoxicos
Alimentos contaminados por agrotóxicos

Segundo a Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco), essa é a lista com percentual encontrado:

Soja (40%)

Milho (15%)

Cana-de-açúcar e algodão (10% cada)

Cítricos (7%)

Café, trigo e arroz (3 cada%)

Feijão (2%)

Batata (1%)

Tomate (1%)

Maçã (0,5%)

Banana (0,2%)

As demais culturas consumiram 3,3% do total de 852,8 milhões de litros de agrotóxicos pulverizados nas lavouras brasileiras em 2011.

De acordo com o Sindiveg (Sindicato Nacional  da Indústria de Produtos para Defesa Vegetal), o Brasil comprou  U$9,6 bilhões de pesticidas em 2015 e comercializou 914 mil toneladas de agrotóxicos.

Estamos encabeçando a lista de quem mais consome agrotóxico no mundo.

Nosso maior desafio é identificar quais alimentos estão contaminados e o quanto eles estão contribuindo para a degeneração da nossa saúde.

Infelizmente, após anos e só  depois que a doença avança, é que vamos nos dar conta que nos alimentamos com venenos.

Alimentos contaminados na mira dos observadores

Surge, no fim do túnel, uma luz para consumidores e ativistas atentos aos alimentos contaminados.  Por iniciativa de Alan Tygel – doutorando em Engenharia Elétrica do Programa de pós-graduação em Informática da UFRJ foi criado o Portal de Dados abertos contra os agrotóxicos.

Informações sobre o consumo de agrotóxicos no Brasil serão reunidas neste portal.

O objetivo é reunir dados de interesse público sobre o setor e sobre empresas, fornecidos por diferentes instituições os quais serão  reunidos num único ambiente virtual.

Segundo Luiza Machado, professora no Departamento de Ciência da Computação da UFRJ“o portal de dados abertos interligados é voltado para quem precisa cruzar informações de diversas fontes. Utilizamos a tecnologia de software livre CKAN, de código aberto, o que evita que o pesquisador tenha que fazer buscas e downloads separados, em diferentes sites na Internet. É para quem busca informação para a ação, para quem quer examinar as consequências do uso de agrotóxicos”, completa.

Para finalizar, informamos que já existe uma  Cartilha com dados sobre a Situação  do Mercado de Agrotóxicos do Brasil. Ela esta está no site  contraosagrotóxicos.org .

Vamos ficando por aqui.

Esperamos  ter ajudado com informações que vão ajudá-lo a escolher e evitar alimentos transgênicos.

Para nós da AmazôniaNutri quem se ama se cuida e quem se cuida se informa.

Até a próxima.

 

 

Fonte:

http://dados.contraosagrotoxicos.org

http://dados.contraosagrotoxicos.org/dataset/situacao-do-mercado-de-agrotoxicos

 

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *