Saúde integral: conheça as quatro chaves para alcançá-la.

Saúde é fundamental! Sem ela nada acontece na vida. Vamos informar para você quatro chaves, quatro razões quatro motivos. Chame o que quiser. Mas é fato que essas quatro chaves vão te mostrar o caminho para alcançar o maior desafio desse século: a saúde integral.

Um dos mais terrríveis e difíceis  paradigmas que a humanidade precisa quebrar  é sobre o conceito de SAÚDE.

Até os dias de hoje, a ciência médica e seus profissionais (muitos deles) ainda nos enxergam como se fôssemos segmentados.

Para eles somos cabeça , tronco e membros.

A cabeça pode ser tratada por médicos psicólogos, psiquiatras, terapeutas, etc.

No tronco, cada orgão tem um especialista. Como se fôssemos divididos por sessões isoladas.

O coração vai para o cardiologista, os rins vão para o urologista, etc.

E os membros para os ortopedistas, especialistas.

Se nenhum deles  resolver  o problema que estivermos passando, nós mesmos nos encaminharemos para a parte sútil da existência: a alma, o espírito. Ficaremos, literalmente, nas mãos de  padres, pastores e  líderes espirituais e esotéricos.

Que cada um encontre a sua doença e a sua cura, o seu carma e o seu darma, seu perdão ou sua  condenação  e em último caso, não menos importante, segure nas mãos de Deus e vá!

Como se curar, ter saúde diante dessa constatação?

Precisamos olhar para a saúde considerando todas as dimensões que os seres – pelo menos o mais humanos –  vivem  : física, emocional, mental, cultural, social, ambiental e espiritual.

Em cada uma dessas dimensões temos vitórias e fracassos, perdas e danos, avanços e retrocessos.

São nesses processos – quando os  resultados são positivos –  que  liberamos endorfina, serotonina e dopamina.  Essas químicas vão nos impulsionar a dar mais um passo ao encontro de  nossos males e de nossa cura.

Mas como conciliar todas essas dimensões e  nos mantermos com saúde?

jovem meditando sobre um tellhado de uma vila
Saúde mental: super importante.

Seria impossível ou inimaginável?

Com a correria do dia a dia, o trânsito, as responsabilidades no  trabalho, casa, marido, filhos, esposa, familia? E ainda os amigos, cahorrro, gato, papagaio,etc.

_ Ufa!!!!!

Ah! ia esquecendo! Isso se você estiver sem dívidas, empregado, feliz com a esposa, filhos fortes e saudáveis, familia unida, tudo  indo de vento em polpa.

Masss se  nada disso estiver acontecendo e você  ainda estiver doente, dai sim, a vaca foi pro brejo.

É hora de parar e lembrar que  seu melhor amigo é você mesmo –  além do seu cão, obviamente.

mulher em posição yogue meditando ao por do sol.
Meditação: a chave para a saúde integral.

É hora de parar, respirar, relaxar e  dar uma caminhada.  Porque se você não parar por si, a vida vai te parar, o seu corpo vai dar um aviso prévio e se você não escutar , a saúde estará com os dias contados.

Daí sim, você vai ver o que é bom e o que é ruim para a tosse.

Prepare a necesserie de remédios para pressão, depressão, supressão, auto pressão – tudo tarja preta.

Você passará a ser um dependente químico, dos outros, de terceiros, etc.

_ Triste né?!

Daí que vem aquela chamada e puxão de orelhas da vida: Mude seu paradigma!

Ou você muda ou ele vai te mudar de forma nada agradável.

Não basta apenas tomar o remédio, comer arroz integral, dá uma caminhadinha na praça, tomar um suplementozinho anti-age orar de vez em quando, etc.

_ A pegada é bem mais séria.

 

Saúde não é apenas ausência de doença.

Você pode ter feito todos os check ups, deu tudo certo, nada errado e no mês seguinte uma dorzinha, um incômodo  aparece como se não fosse nada grave e em pouco tempo aparece uma doença sinistra.

Você não deu bola para a dorzinha,  não sabia, o exame feito no século passado não tinha acusado nada, o médico não viu e a BOMBA explodiu.

Saúde é uma conquista diária. Ela precisa de manutenção.

mulher ginasta celebrando vitoria
Saúde Física: uma necessidade real.

Saúde não é só privilégio da juventude. A turma de adolescentes da terceira idade já se deu conta que  envelhecer não significa adoecer.  Mas se adoeceu, precisa mudar sua forma de ver e viver , precisa mudar seu paradigma.

O mundo está ficando mais velho e o Brasil entrará para a lista de países com grande população de idosos.

E sem essa de querer voltar a ter 20 anos.  Seu corpo pode ser saudável em qualquer idade.

Hoje já se professa em  curtir a vida com tranquilidade e sabedoria.

Para isso existem quatro chaves  fundamentais

1 – Aumente a consciência sobre si mesmo.

A chave é:  Ame a si mesmo!

2 – Se alimente com mais produtos orgânicos e naturais e beba muita água.

A chave é: Você  é o que você come!

3 – Pratique exercicios físicos em academias ou com personal trainers .

A chave é: Mexa-se!

4 – Crie sua tribo, sua turma, seu grupo de apoio.

A chave é: Partilhe e compartilhe!

Nos próximos posts vamos aprofundar cada uma dessas chaves.

O segredo é abrir a porta dos nossos porões  com essas chaves e encarar o que nos impede de:

  • sermos quem verdadeiramente somos,
  • termos um físico saudável em qualquer idade,
  • sermos espiritualizados sem pieguice,
  • nos emocionarmos com o que é bom,
  • comermos o que nos faz bem,
  • termos uma boa turma para partilhar e conviver.

 

Vamos ficando por aqui.

Para nós da Amazônia Nutri quem se ama se cuida e quem se cuida se informa.

Esperamos estar contribuindo para que você use as chaves corretas para abrir a porta de sua longevidade.

Até a próxima.

 

Fontes: 
Livro A busca da saúde integral – Dr Roberto Costa Correa Leite –  LTR editora
Livro: Os segredos de permanecer jovem  Dra Marie Miczak-  Editora Madras
Livro: Body for Life para mulheres – Dara Pamela Peeke – Editora  Sextante
 
 

 

 

Facebook Comments

2 thoughts on “ Saúde integral: conheça as quatro chaves para alcançá-la.

    1. Olá Maria dos Prazeres, a cada post que fizermos vamos te enviar. Ficamos muito felizes com seu comentário. Amamos saber que as pessoas estão se identificando e curtindo as informações. Seja super benvinda!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *